10 erros comuns de quem presta concurso público

1

Na hora de realizar concursos públicos é comum os candidatos cometerem alguns equívocos. Os erros mais recorrentes são o esquecimento de documentos, a falta de atenção na leitura de editais e até mesmo deixar para estudar para a seleção, um dia antes das provas.

Pensando nisso, separamos para vocês os 10 erros comuns de quem presta concurso público.
1- Escolher concurso pelo salário e pelo número de vagas
Muitos participantes optam por alguns concursos públicos levando em conta apenas os salários altos e um quantitativo grande de oportunidades. Porém, com essa atitude muitos se frustram com o cargo ocupado. Sendo assim, é aconselhável escolher a carreira de maneira adequada. Utilizando a aptidão e os que mais lhe agrada. Até para a preparação estar direcionado a uma carreira que almeja, aumenta a motivação.
2- Não ler o edital
Esse é o equívoco mais comum. O edital dos concursos públicos é um documento extremamente pertinente, no qual todas as informações da seleção estão apresentadas. Todo o conteúdo programático das provas, as datas de realização das avaliações, ou seja, tudo sobre o certame está no material. É importante fazer uma leitura minuciosa e até anotar os pontos mais importantes!
3- Ignorar qual é a empresa organizadora do concurso
Saber qual instituição irá ficar responsável pelo concurso público que você escolher é muito importante. Cada empresa tem uma maneira própria de realizar e organizar as provas. A Esaf, por exemplo, é uma das organizadores com provas mais complexas do país. O CespeUnB usa um meio de correção das questões onde uma questão errada anula uma resposta correta. Portanto, fique atento.
4- Priorizar o estudo das matérias mais fáceis para o candidato
Dar ênfase às disciplinas que você mais tem habilidade ou mais gosta, em detrimento das demais não é interessante. Não se esquecer das matérias básicas, como Português e Matemática, é fundamental. Estudar de maneira ampla, abrangendo todo o conteúdo é ideal para quem faz preparação para concurso público.
5- Escolher um concurso de nível médio porque é mais fácil
Muitos participantes tendem a escolher o processo seletivo pelo nível de escolaridade, pelo fato de julgarem ser mais fácil. Sendo assim, o quantitativo por vagas também aumenta, o que acaba dificultando a aprovação.
6- Não fazer planejamento de estudos
Se dedicar a prestar um concurso público requer disciplina, tempo e dedicação. Se inscrever na seleção e não fazer uma programação de estudos pode ser ruim. É interessante dedicar-se pelo menos três horas por dia para estudar. Monte uma boa estrutura e siga à risca o que planejou.
7- Não simular as condições do concurso
Estar determinado a ingressar em um processo seletivo, é preciso compreender as pressões que a fase exige. Sendo assim, é eficiente a resolução de simulados online e resolução de concursos anteriores. Onde você pode praticar tudo que estudou, se adequando nos erros que cometer. E também, verificando o tempo que gasta para resolver cada questão.
8- Esquecer itens obrigatórios na hora da prova
Esse é um erro muito comum também, às vezes por falta de atenção ou até mesmo a ansiedade o candidato esquece a caneta da cor exigida, por exemplo. Para evitar o esquecimento, faça uma lista de todo o material que precisa levar no dia da prova e confira na véspera.
Achar que apenas o cursinho preparatório resolve
9 – Pensar que o curso preparatório sozinho vai aprová-lo
É relevante considerar que o ensino em cursinhos é importante. Porém, isso não basta. É preciso levar a leitura e os estudos para a rotina de casa. Fazendo um planejamento e se dedicando intensivamente, pois concursos públicos requerem de muito esforço, estudos, calma, foco e muita disciplina.
10 -Deixar o estresse tomar conta
Participar de concurso público às vezes significa ser uma rotina muito estressante e cansativa. É preciso estar atento e ter tempo para todas as tarefas do dia a dia. Assim como é importante estabelecer horários para os estudos e ter intervalos entre eles, é pertinente e importante o convívio social.
E você, tem alguma dica?
[Total: 0    Média: 0/5]
Compartilhe isso:

Deixe um Comentário!